Aberto a todos compositores e sem taxa de inscrição: Beija-Flor divulga regras do concurso de samba

ABERTO A TODOS OS COMPOSITORES E SEM TAXA DE INSCRIÇÃO: BEIJA-FLOR DIVULGA REGRAS DO CONCURSO DE SAMBA

Atual vice-campeã do Carnaval, a Beija-Flor de Nilópolis deu a largada para o seu concurso de samba-enredo nesta terça-feira, 5. A agremiação reuniu os compositores na quadra para apresentar a sinopse e as regras da disputa que elegerá o hino do enredo “Brava Gente! O grito dos excluídos no bicentenário da Independência”. Mais uma vez, o concurso será aberto a todos os compositores e não terá taxa de inscrição.

Para inscrever sua obra, a parceria deverá comparecer na quadra da escola, em Nilópolis, no dia 9 de agosto, e entregar 30 cópias da letra. No mesmo dia, ocorrerá a primeira apresentação. Assim que os compositores confirmarem a participação na disputa, cantarão a obra numa roda de samba que estará rolando ao longo do dia na quadra da azul e branca. Durante os intervalos entre as apresentações, os cantores da “Deusa sa Passarela”, acompanhados dos ritmistas de mestres Plínio e Rodney, comandarão a roda ao som de hinos históricos da Beija-Flor. A entrada é franca.

Assim como no ano passado, quando o concurso chegar a 10 sambas classificados, a escola gravará os concorrentes na voz do intérprete Neguinho da Beija-Flor. Qualquer outra gravação feita pelos compositores, mesmo que de forma caseira, está proibida.

— Foi um modelo que fizemos ano passado e deu muito certo. Quando a gente deixa a gravação para os compositores, cada um grava dentro das particularidades dos intérpretes que defenderão suas obras na quadra. E assim a gente fica quatro meses ouvindo o samba na voz de um outro intérprete que não é da Beija-Flor. Preferimos esperar um mês a mais para gravarmos os 10 sambas na maior voz da nossa festa, que é o Neguinho  explicou Dudu Azevedo, diretor de Carnaval da Beija-Flor.

Antes da inscrição, os compositores ainda terão duas datas para tirar dúvidas com os carnavalescos Alexandre Louzada e André Rodrigues e o pesquisador Mauro Cordeiro. O trio estará no barracão da escola, na Cidade do Samba, nos dias 12 e 19 de julho, das 15h às 19h. O início do concurso na quadra acontece 18 de agosto, com a final prevista para 13 de outubro.

Confira o calendário da disputa:

12/07: Tira-dúvidas no barracão – 15h às 19h

19/07: Tira-dúvidas no barracão – 15h às 19h

09/08: Entrega dos sambas concorrentes e primeira apresentação

18/08: Início da disputa na quadra

01/09 – 15/09: Período de gravação dos 10 sambas classificados com Neguinho da Beija-Flor

13/10: Final do concurso (previsão)

Fotos em anexo. Crédito: Eduardo Hollanda/Divulgação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s