Enredo da Mangueira vai para sala de aula em Vitória

google

O enredo campeão de 2019 da Estação Primeira de Mangueira continua vivo. Tem motivado escolas, universidades, shows e manifestações culturais em várias partes do mundo.

Com o objetivo de resgatar valores da história local através do carnaval e disseminar alternativas de combate à violência na região, o samba-enredo da Verde e Rosa, foi retratado recentemente em sala de aula, na Escola de Ensino Fundamental (EMEF) São Vicente de Paulo, no município de Vitória, no estado do Espírito Santo.

De acordo com a direção da escola, o tema do samba veio ao encontro da temática pedagógica interdisciplinar envolvendo as matérias de educação física, artes, e história. O objetivo foi de retratar assuntos fundamentais como: direitos humanos, cidadania, símbolos de resistência, respeito, valores morais e éticos, por conta da violência em torno da comunidade escolar,  no morro da Piedade. A letra de “História pra ninar gente grande” trouxe elementos necessários para a análise e implementação do estudo na unidade de ensino. “identificamos na história de luta e resistência dos personagens retratados na letra do samba, com o cotidiano das famílias de alguns de nossos alunos durante a composição de nossa pesquisa”, destacou a professora de artes Mara Perpétua Banhos Pereira.

Eu QUERO a Mangueira no Museu

O enredo campeão da Mangueira em 2019 trouxe um olhar para o protagonismo do povo brasileiro na construção de sua própria história. Por isso, a Estação Primeira oferece a maravilhosa oportunidade para que todos possam ser protagonistas de mais um capítulo da história que a história não conta, e juntos, financiar a realização de uma exposição que apresenta um diálogo entre o desfile campeão e o acervo do Museu Histórico Nacional. 

Anúncios