Chapa 02 divulga carta sobre eleições no salgueiro

Após a presidente Regina Celi publicar uma carta aberta sobre a crise política no Salgueiro a chapa da oposição também divulgou um comunicado.

Amigos Salgueirenses,
O Salgueiro é nossa paixão e a nossa raiz.
Assim, não podemos permitir que a grande família Salgueirense fique sem saber a verdade sobre o destino do comando da Escola.
Certos de que o Estatuto da Escola consagra as saudáveis e necessárias renovação e alternância de poder, buscamos, inicialmente, junto à Comissão Eleitoral da Agremiação, a impugnação da Chapa encabeçada pela Sra. Regina Celi.
Isso porque, o Estatuto da Escola não permite sucessivas reeleições para o cargo de Presidente do Salgueiro e veda, da mesma forma, que sócios Beneméritos concorram a vagas transitórias do Conselho Deliberativo, visto que os Beneméritos já integram o Conselho Deliberativo como membros natos. Só assim, por expressa disposição do nosso Estatuto, poderão ser mantidos a paridade e o equilíbrio de forças, necessários ao processo democrático e ao fortalecimento dos poderes da Escola.
Como a Comissão Eleitoral omitiu-se no seu dever de rejeitar a inscrição da chapa liderada pela Sra. Regina Celi, fomos obrigados a movimentar a Justiça, na busca daquilo que é correto, justo e melhor para o destino da Escola.
Como não poderia deixar de ser, o Judiciário acolheu, em brilhante e justa decisão, o pedido que fizemos, considerando a chapa liderada pela Sra. Regina Celi, INELEGÍVEL.
Inconformada com a decisão proferida pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, a Sra. Regina Celi, lançou mão de uma série de recursos, cujo objetivo, ao nosso ver, é de apenas manter-se no poder.
O primeiro deles, que tentava anular a decisão que a tornou INELEGÍVEL, apelidado de Questão de Ordem, foi rejeitado por unanimidade no Tribunal de Justiça.
O segundo deles, que tratava da eleição ocorrida no dia 06 de maio passado, perdeu seu objeto, em vista da primeira decisão, que considerou a referida chapa INELEGÍVEL.
Há ainda um terceiro recurso que repete as razões da Questão de Ordem, ainda não julgado, mas que, pelo encaminhamento das outras decisões, acreditamos que terá o mesmo destino dos recursos anteriores, a rejeição.
Dessa forma, o comportamento da chapa adversária parece ser o de querer retardar o cumprimento da decisão judicial que tornou a Sra. Regina Celi e os membros da sua chapa INELEGÍVEIS.
Muito melhor para o Salgueiro e para a família Salgueirense seria que, diante da decisão judicial, a Sra. Regina Celi concordasse em fazer a transição para os únicos aptos e legítimos concorrentes inscritos para a eleição do último dia 06 de maio.
Enquanto isso não acontece, a Escola vem sendo dirigida por aqueles que sabem, em seu íntimo, que não podem continuar a conduzir os destinos da Escola que tanto amamos.
Acredito que a Justiça, em breve, irá se posicionar em relação à continuidade ilegítima de poder que exerce a Sra. Regina Celi, aplicando aquela que é a regra que rege a família Salgueirense, a vontade pré-estabelecida no seu Estatuto Social.
Queremos estar junto a vocês para, democraticamente, levar o Salgueiro ao topo, às vitórias e às conquistas que nossa família e o samba merecem.
Saudações Salgueirenses,
ANDRÉ VAZ
CHAPA SALGUEIRO MINHA PAIXÃO MINHA RAIZ
Fonte: site srzd

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s